Resposta do Investigador Denilson Paixão - do C-47, a turma do concurso C-203



Em alguns pontos, eu até concordo com o texto, mas a questão do retroativo do abono e do tempo integral, penso que os colegas do C-203, não teriam esse direito, nos demais casos, friso que são batalhas a serem disputadas uma a uma e em cada momento, pois o interesse é de toda a categoria Policial Civil, sem distinções.

A meu ver, tentar acusar o Sindicato de que esteja defendendo o interesse só dos mais antigos, subsumi-se em falácias e em leviandades. Sabemos que a data-base é um direito de todos nós, mas, no entanto, existe uma esdrúxula previsão legal de congelamento salários, conforme o famigerado teto dos gastos e nenhuma categoria do serviço público obteve a reposição inflacionária ou aumento de salário.

Mês passado, o STF pacificou que o tempo de serviço dos servidores, que não pararam de trabalhar, durante a pandemia, por serem essenciais, deverá ser computado normalmente, vide saúde e segurança pública. Outras pautas, como insalubridade e adicional noturno, informo que já foram demandas pelo Sindpol-PA e estão em grau de recurso, portanto, não se pode questionar inércia do Sindpol-PA.

Imagino que se deve entender que cada demanda é no seu tempo certo, além disso, hoje se briga pelo cumprimento do artigo 67 da Lei 022/94, que certamente, irá beneficiar toda a categoria de Agentes da Autoridade. Ressalto, ainda, que quando o Sindicato convoca a categoria para participar das manifestações para pressionar o governo em defesa dos nossos Direitos, somente os cabeças brancas comparecem e dão a cara à tapa, então, como podem reclamar dos Canas Antigos? Só tem o direito quem luta por eles, irmão.

Confesso que não estou satisfeito com a postura atual governo, por entender que a Polícia Civil não tem sido valorizada como, realmente, deveria ser, mas nada é absoluto e regras são, muitas vezes, quebradas. Além disso, conhece muito cana novinho, que trabalha 15, 20 ou 30 dias consecutivos, porque moram em outros Estados da Federação, o que para estes, torna-se conveniente o dito sacrifício, mas isto é uma escolha, embora irregular, pessoal destes servidores.

Nada contra a nota, acima publicada, mas não a considero, totalmente, justa e, para finalizar, acrescento que muitos colegas do C-203, que estavam sindicalizados, por não acreditarem no Sindicato ou por terem se deixado levar por falácias, referente a atual diretoria do Sindpol-PA simplesmente, desfiliaram-se e, seque buscaram se inteirar da verdade.

a) Investigador Denilson Paixão - do C-47.

Notícias em Destaque
Notícias Recentes